Influenciado pela lógica digital, a cada dia o mercado se torna mais competitivo. Além de apostar na velocidade, as empresas precisam ter atenção especial à adaptabilidade organizacional. Você sabe o que esse termo significa?

Trata-se de uma habilidade fundamental para atingir o sucesso, já que se refere à capacidade que uma instituição tem de se adequar às constantes mudanças nas formas de lidar com o público e gerir os negócios.

Quer saber como isso se aplica na prática? Continue a leitura do artigo!

O que é adaptabilidade organizacional?

A adaptabilidade organizacional se refere à capacidade que uma empresa tem de se adaptar às mudanças e novidades do mercado para se manter saudável e competitiva. Dessa forma, é preciso saber como quebrar paradigmas, desafiar limites, atualizar processos, alterar a visão do negócio e, em alguns casos, até mesmo a missão.

Essa habilidade se tornou indispensável para atingir o sucesso na era digital. Para não ficar para trás, é preciso encontrar métodos ágeis e seguros para atingir os objetivos do empreendimento, o que implica em transformações constantes.

O tema se tornou tão relevante, que foi incorporado como um dos oito Fundamentos de Excelência da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ), centro brasileiro de estudo, debate e irradiação de conhecimento sobre excelência em gestão.

Veja 4 dicas para desenvolver a adaptabilidade organizacional no seu negócio!

Com base nos fundamentos da FQN, a adaptabilidade empresarial está intimamente relacionada a dois atributos principais:

  • capacidade de mudar;
  • e flexibilidade.

A primeira aptidão se refere à identificação de que a organização precisa passar por uma transformação e à implantação das mudanças necessárias.

Já a flexibilidade tem a ver com a prontidão para resposta. Ou seja, ao ser colocada diante de um novo desafio, a empresa deve ter condições de rever as estratégias e tomar decisões de modo ágil.

Veja a seguir algumas dicas de como estimular a adaptabilidade no dia a dia da sua empresa!

1. Comece pela gestão

A capacidade de adaptação deve ser incorporada por toda a empresa, mas pode começar pelos gestores. O comportamento dos líderes deve servir de exemplo para toda a organização.

2. Dê autonomia aos colaboradores

É difícil exercitar a adaptabilidade em uma empresa que não dá autonomia aos seus colaboradores. Por isso, é preciso ser flexível e confiar no time, para que possam agir de forma estratégica e mais rapidamente.

3. Estimule a inovação

Inovação é a palavra-chave para acompanhar as constantes transformações do mundo digital. Por isso, é importante estimulá-la dentro da empresa, abrindo espaço para que os colaboradores contribuam com ideias, treinando a equipe, fazendo pesquisas de mercado, entre outros.

4. Conte com o uso de ferramentas inteligentes

Não basta ter uma mentalidade ágil: é preciso saber colocar esse pensamento em prática. Uma forma de fazer isso é abandonando processos obsoletos, que gastam o tempo da sua equipe com tarefas desimportantes, que podem ser automatizadas.

Quanto a isso, você pode se apoiar no uso de ferramentas de gestão inteligente, como a Monday e a Freshworks, que são oferecidas aqui na Sinergis, empresa especializada em soluções de transformação digital para empresas e revendedora das tecnologias.

Aproveite para saber mais detalhes dos produtos da Sinergis e elimine de uma vez os gargalos que barram o crescimento do seu negócio.